Acronis Backup Cloud: estratégia eficiente de backup e restore de banco de dados

Acronis Backup Cloud: estratégia eficiente de backup e restore de banco de dados

Marcio Kaue

A gestão eficiente de dados é vital para a continuidade dos negócios em qualquer organização. No âmbito da tecnologia da informação, a segurança e integridade dos bancos de dados são elementos cruciais para garantir a disponibilidade e confiabilidade das informações. Nesse contexto, a implementação de uma estratégia eficiente de backup e restore é essencial. Este artigo aborda a importância dessa estratégia, destacando a solução Acronis Backup Cloud como uma ferramenta robusta para a realização dessas tarefas.

Acronis Backup Cloud: uma solução abrangente

O Acronis Backup Cloud é uma solução que se destaca no cenário de backup e restore de dados. Oferece uma abordagem abrangente para proteção de dados, permitindo a cópia segura de bancos de dados locais e em nuvem. A seguir, algumas características que tornam o Acronis uma escolha eficiente:

Integração com bancos de dados:

Suporta uma extensa variedade de bancos de dados, incluindo MySQL, PostgreSQL, SQL Server, SAP Hana, Oracle DB, entre outros, assegurando flexibilidade para atender a diversos ambientes de TI.

Backup incremental e diferencial:

O Acronis utiliza técnicas avançadas de backup incremental e diferencial, reduzindo a quantidade de dados a serem armazenados e otimizando o uso de recursos.

Armazenamento seguro em nuvem:

O Acronis Backup Cloud permite o armazenamento seguro e escalável dos backups na nuvem, proporcionando uma camada adicional de proteção contra desastres locais.

Restauração rápida e confiável:

A recuperação de dados é rápida e confiável, com opções granulares que permitem restaurar apenas os dados necessários, minimizando o tempo de inatividade.

Monitoramento e relatórios:

Oferece recursos avançados de monitoramento e relatórios, permitindo que os administradores tenham uma visão abrangente do status dos backups e das operações de restore.

Restauração de BD

Dado que o SQL Server é amplamente utilizado no mercado, apresentaremos a seguir uma ilustração prática de como restaurar de maneira segura e eficiente um banco de dados. Para fins demonstrativos, utilizaremos o banco MK_DATA.

Banco de dados para uma instância:

Ao optar por esse modelo, escolhemos restaurar o banco diretamente no software nos proporcionando uma personalização flexível.

Banco de dados para uma instância:
  • Máquina de destino: Se no ambiente tiver várias máquinas com o agente de banco de dados do Acronis instalado, é possível selecionar em qual servidor realizaremos a restauração.
  • Instância de destino do SQL Server: Podemos escolher outras instâncias para restauração caso não desejamos utilizar a instância padrão (MSSQLSSERVER)
Instância de destino do SQL Server
  • Banco selecionado (MK_DATA): Quando realizamos uma restauração do banco de produção, já é preenchido automaticamente os caminhos do diretório de dados e log, além de possibilitar alterar o estado do banco após a restauração. Os estados são categorizados de 3 formas:
    1. Pronto (RESTORE WITH RECOVER) (padrão): O banco de dados estará pronto para uso após a conclusão da recuperação. Os usuários terão total acesso a ele. O software reverterá todas as transações não confirmadas do banco de dados recuperado que são armazenadas nos logs de transação. Você não poderá recuperar logs de transação adicionais dos backups nativos do Microsoft SQL.
    2. Não operacional (RESTORE WITH NORECOVERY): O banco de dados não estará operacional para uso após a conclusão da recuperação. Os usuários não terão acesso a ele. O software manterá todas as transações não confirmadas do banco de dados recuperado. Você poderá recuperar logs de transação adicionais dos backups nativos do Microsoft SQL e, assim, alcançar o ponto de recuperação necessário.
    3. Somente leitura (RESTORE WITH STANDBY): após a conclusão da recuperação, os usuários terão acesso somente de leitura ao banco de dados. O software desfará todas as transações não confirmadas. Contido, ele salvará as ações desfeitas em um arquivo em espera temporário para que os efeitos da recuperação possam ser revertidos.
Banco selecionado (MK_DATA)
  • Novo banco de dados: Na opção “Recuperar para”, podemos subir um novo banco reutilizando os dados originais, com um novo nome e diretórios para armazenamento dos dados e logs
Novo banco de dados

Iremos restaurar um novo banco com o nome MK_TESTE em caminhos diferentes para não gerar falhas e conflitos, conforme a imagem abaixo:

MK_TESTE

Ao confirmar as alterações e clicar em “INICIAR A RECUPERAÇÃO”, o Acronis realizará toda a criação do novo banco de forma transparente com o sistema em operação, sem a necessidade de interrompê-lo para executar a tarefa.

Acessando novamente o portal do Acronis e o software de gerenciamento do banco (SSMS), conseguimos validar a criação do novo banco.

Conclusão

A efetiva implementação de uma estratégia de backup e restore com o Acronis destaca-se pela sua abrangente compatibilidade e pela flexibilidade das opções oferecidas para backups e restaurações granulares. A capacidade de realizar restaurações diretamente no software, acompanhada pela criação transparente de novos bancos sem interrupção do sistema, reforça a eficácia e praticidade desta solução, especialmente em ambientes complexos.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on linkedin
LinkedIn
Share on email
Email

ÚLTIMOS ARTIGOS

Quer saber ainda mais?

Entre em contato conosco!