Até 2025, gastos totais com Cloud Computing ultrapassarão US$ 1,3 trilhão, prevê IDC

Cloud Computing

Já tem alguns anos que a Nuvem se tornou prioridade nos negócios que buscam no digital, uma maior eficiência, flexibilidade e custo benefício, agora, um levantamento feito pela IDC, o “Whole Cloud Forecast 2021-2025: The Path Ahead for Cloud in a Digital-First World”, reforça a previsão do cenário de crescimento com Cloud Computing, já que os gastos devem ultrapassar os US$ 1,3 trilhão até 2025.

“No mundo digital de hoje, os resultados de negócios e a inovação estão cada vez mais ligados à capacidade de desenvolver e usar tecnologias e serviços inovadores em qualquer lugar, o mais rápido possível. A nuvem é a base para atender a essa necessidade. Gastos com serviços em nuvem, hardware e os componentes de software que sustentam a cadeia de suprimentos da nuvem e as oportunidades de serviços profissionais e gerenciados em torno dos serviços em nuvem ultrapassarão US $ 1,3 trilhão em 2025”.

Rick Villars, vice-presidente do grupo de Pesquisa Mundial da IDC.

Este relatório da IDC analisa tanto os serviços de nuvem pública, que são compartilhadas entre várias organizações, quanto os serviços de nuvem privada (dedicados). 

A Nuvem compartilhada (pública) como serviço para infraestrutura, plataformas e várias ofertas de software continua a ser o maior, e de crescimento mais rápido, motor de crescimento para todo o mercado de Nuvem. Gastos combinados em serviços de Nuvem compartilhados – Infraestrutura como Serviço (IaaS), Software de Infraestrutura como Serviço (SISaaS), Plataforma como Serviço (PaaS) e Software como Serviço (SaaS) – totalizará US$ 385 bilhões em 2021 e verá uma taxa composta de crescimento anual (CAGR) de mais de 21% até 2025, chegando a US$ 809 bilhões.

Os serviços em nuvem dedicados (privados), que incluem serviços de nuvem privada hospedados e o segmento de infraestrutura em nuvem dedicada como serviço (DCIaaS), crescerão a um CAGR mais rápido de 31%, mas a partir de uma base de receita muito menor, de US$ 5 bilhões em 2021.

Os segmentos como serviço de gastos em Nuvem, que engloba nuvem compartilhada como serviço e nuvem dedicada como serviço, representarão mais da metade de todos os gastos em nuvem durante o período, com crescimento previsto de 55,7% em 2021 para 64,1% em 2025. Ambos os segmentos também verão o crescimento mais rápido nos gastos, com um CAGR de cinco anos de 21,3%.

Hardwares, softwares e serviços de suporte padrão para esses ativos de nuvem, chamados de Cloud Buildout, representam a área mais crítica de gastos com nuvem fora dos segmentos de serviço. Segundo a IDC, os gastos com produtos de infraestrutura de computação e armazenamento para infraestrutura em nuvem manterão crescimentos que ultrapassarão os investimentos em infraestrutura de TI fora da nuvem ao longo da previsão. O CAGR de cinco anos para hardware, software e suporte em nuvem chegará a 11,8%.

Os dois segmentos restantes de gastos com nuvem, que não fazem parte do total como serviço, são serviços profissionais relacionados à Nuvem e serviços gerenciados em Nuvem. Os serviços profissionais relacionados à Nuvem abrangem uma variedade de serviços baseados em projetos, como planejamento estratégico, assistência na implementação ou adoção de todos os tipos de serviços em Nuvem e outros projetos que requerem uma capacidade de entrega em Nuvem como elemento fundamental. Os serviços de Nuvem gerenciados são o fornecimento de recursos de gerenciamento para garantir operações 24 horas por dia, 7 dias por semana de tecnologias e arquiteturas de Nuvem, tanto de aplicativos quanto de infraestrutura, e processos de negócios associados e serviços profissionais “incorporados”. Serviços profissionais relacionados à Nuvem e serviços gerenciados em Nuvem terão níveis semelhantes de gastos ao longo da previsão,

Nos próximos anos, os fundamentos que impulsionam o mercado de nuvem vão continuar a mudar com a transição para uma economia que prioriza o digital. Para provedores de serviços em nuvem (compartilhados e dedicados), o foco será definir os tipos e a escala dos recursos entregues, governando a movimentação, armazenamento e análise de dados e estabelecendo ecossistemas robustos de desenvolvedor e segurança. Para provedores de infraestrutura em Nuvem, o desenvolvimento e a implementação de recursos especializados em diversos ambientes se tornarão mais importantes do que estender a amplitude de soluções generalizadas. E para as organizações de TI, a governança de diversos recursos de nuvem e conjuntos de dados representará desafios operacionais críticos.

Fonte: Inforchannel

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on linkedin
LinkedIn
Share on email
Email

ARTIGOS RELACIONADOS

Copyright © 2019 – Wtsnet Empowering with Technology